Conheça um pouco da Olimpo

Assista o video abaixo para conhecer um pouco da estrutura da Olimpo

VENHA FAZER RECOVERY NA OLIMPO

Últimos Posts

Como se livrar da preguiça de treinar

Se estivéssemos em uma sala com 50 pessoas e pedíssemos para levantarem a mão todos aqueles que já tiveram vontade de deixar de treinar porque estavam com preguiça, é muito provável que todas pessoas levantassem o braço. 

Read More »

Perguntas frequentes

Esclareça suas dúvidas aqui

Av. Ibirapuera, 2907 – 503 – Moema, São Paulo – SP, 04029-200

SEGUNDA A SEXTA
7H ÀS 22H
 
SÁBADO
8H ÀS 14H

Desenvolvido por

O médico especialista em Medicina do Exercício e do Esporte orienta a prática de atividade física de modo individualizado, segundo as necessidades e os objetivos do paciente, seja ele atleta ou não, observando e analisando as reações de seu organismo. Também aplica esse conhecimento na prevenção e no tratamento de doenças, bem como na reabilitação.

Com essa expertise, o médico do exercício e do esporte é fundamental para dar suporte a todas as pessoas interessadas em inserir uma atividade física em sua rotina, desde crianças até idosos, e é imprescindível para quem busca mais qualidade de vida.

A especialidade envolve diversas áreas de conhecimento: fisiologia do exercício, biomecânica, nutrologia esportiva, avaliações cardiológicas, ortopedia, metabólicas, etc.

Todas ações são integradas ao programa de treinamento do técnico e especialistas de forma multidisciplinar.

Quem deve procurar um médico do esporte?

TODOS!

  • Todas as faixas etárias: crianças, adolescentes, adultos e idosos
  • Todos níveis de atividade física: sedentários, praticantes e atletas

Quando procurar um médico do esporte?

  • Para ter segurança na prática de esportes e exercícios;
  • Atestado médico para prática esportiva;
  • Check-up para saúde;
  • Prevenção de lesões e doenças;
  • Melhora da composição corporal;
    Orientação sobre exercício ideal para o seu estado de saúde e combate aos principais fatores de risco para doenças crônicas (hipertensão arterial, diabetes, obesidade, sedentarismo);
  • Orientação sobre suplementação;
  • Prevenção e tratamento de lesões ortopédicas agudas e de repetição;
  • Auxilia no monitoramento da carga de treinamento (prescrito pelo profissional de educação física) e seu impacto na saúde;
  • Otimização do desempenho esportivo;

Fisioterapia Esportiva:

TRATAMENTO, REABILITAÇÃO E PREVENÇÃO

A Fisioterapia Esportiva é uma especialidade da fisioterapia que busca a reabilitação, prevenção e atenção do atleta amador e profissional, e de qualquer outro paciente que pratique alguma atividade física e que tenha pretensões de retornar ao exercício de forma segura.

É elaborada de forma a atender as necessidades do paciente, abordar as deficiências específicas e levar em conta as demandas funcionais para o retorno ao esporte.

O retorno à atividade será gradual e somente quando o paciente tiver condições fisiológicas para o exercício, e não apresentar sintomas durante a reabilitação.

Fisioterapia Ortopédica

TRATAMENTO E REABILITAÇÃO

A Fisioterapia ortopédica visa tratar disfunções osteomioarticulares e tendíneas resultantes de traumas e fraturas e suas consequências imediatas e tardias, lesões por esforços repetitivos e patologias ortopédicas.

São utilizados recursos eletrotermofototerápicos, terapia manual e cinesioterapia na reabilitação dos pacientes. Fisioterapia ortopédica é a área mais comum associada a esta profissão, que engloba lesões esportivas, o desgaste, bem como pequenos e grandes traumas, pós-condições cirúrgicas e doenças congênitas.

Para a fisioterapia ortopédica dar resultado, é preciso utilizar recursos terapêuticos como eletroterapia, terapia manual, fortalecimento muscular, alongamento muscular, treino sensório motor e por fim retorno às atividades.

EQUILÍBRIO E BEM ESTAR

Quando inserimos agulhas, ativamos os mecanismos de sobrevivência, esse mecanismo é composto de duas partes principais: central e periférica.

No mecanismo central, estimulamos regiões do cérebro que ativam os principais sistemas de sobrevivência: o sistema nervoso, endócrino, imunológico e cardiovascular, normalizando as atividades fisiológicas do corpo como um todo.

Para o mecanismo periférico, a inserção de agulhas desencadeia uma cascata de reações fisiológicas ao redor dos locais de puntura, induzindo a dessensibilização e reparação dos tecidos lesados, por exemplo, quando introduzimos uma agulha em um ponto gatilho doloroso no músculo.

Nutrição Esportiva

A prática de atividade física e esportes em geral vem crescendo muito. Diferente de antes, hoje em dia é extremamente fácil encontrar atletas amadores que treinam em alto nível e participam de diversas competições, aliando o programa de treinamentos e competições à sua rotina de trabalho.

Junto a esse novo estilo de vida que só cresce no país, vem as necessidades de um melhor preparo para encarar a rotina de treinamentos e competições. É aí que entram os profissionais de saúde especializados no esporte. No nosso caso, o nutricionista esportivo.

Um dos papéis do nutricionista esportivo é o de avaliar o estado nutricional do atleta (através da medição de circunferências, dobras cutâneas e também a bioimpedância, além de analisar exames bioquímicos).

×

Mande-nos uma mensagem

× Marcar uma consulta